Este livro procura compreender os sentidos de um fenômeno que eclodiu em anos recentes: a exposição pública da intimidade de “qualquer um” através de dispositivos como os reality-shows e as webcams, os blogs e as redes sociais da internet. Com seu estatuto ambíguo entre o público e o privado, a ficção e a realidade, a vida e a obra, esses “espetáculos do eu” exibidos nas telas midiáticas abalam as fronteiras que costumavam separar ambos os pólos de todas essas oposições antes dicotômicas. Por isso, as novas modalidades de expressão e comunicação permitem sondar certas mutações na produção da subjetividade: tratar-se-ia de uma transformação radical, que excede a internet para impregnar toda a sociedade contemporânea. Esses fenômenos sinalizam o veloz distanciamento que tem se produzido nos últimos anos com relação às formas tipicamente modernas de ser e estar no mundo, bem como àqueles instrumentos que costumavam ser usados para a construção de si mesmo: desde o diário íntimo e as trocas epistolares até a psicanálise, todos com base na introspecção. Esses métodos de autoconhecimento que hoje parecem antiquados se alicerçavam numa interioridade oculta, misteriosa e estável, cultivada no silêncio e na solidão do âmbito privado: um universo atualmente em crise.

O show do eu: A intimidade como espetáculo

R$ 50,00Preço
  • Editora: Nova Fronteira (Grupo Ediouro)
    ISBN-10: 8520921299
    Formato: Médio
    Acabamento: Brochura
    Idioma: Português
    Origem: Nacional
    Edição: 1
    Número de páginas: 288
    Lançamento: 2008